More

    Pix será a principal forma de pagamento oferecida entre os varejistas de e-commerce na Black Friday, aponta estudo do Pagar.me

    spot_imgspot_img

    Cartão de crédito parcelado e à vista são as outras formas de pagamento que serão mais oferecidas no e-commerce

    Pesquisa realizada pelo Pagar.me, meio de pagamento digital e omnichannel da StoneCo., em parceria com o E-commerce Brasil, portal especializado na cobertura do comércio eletrônico no Brasil, Equals, plataforma de gestão financeira inteligente e Nuvemshop, revela que o Pix vai ser o principal meio de pagamento no e-commerce na Black Friday, oferecido por 88,3% dos e-commerces na ocasião.

    Os varejistas do comércio digital também vão aceitar outras formas de pagamentos, como cartão de crédito parcelado (75%), cartão de crédito à vista (69,9%), boleto bancário (56,1%), cartão de débito (45,9%) e carteira digital (8,7%).

    Mais do que um método de pagamento, o Pix é visto pelos empreendedores como uma ferramenta para promocionar. Pela sua instantaneidade e taxas mais baixas que outras formas de pagamento, 62,2% dos entrevistados oferecerão preços ainda mais atrativos para os pedidos feitos via Pix.

    “É inegável a relevância que o Pix ganha ano após ano na Black Friday. Além do lojista ter o valor da compra em sua conta quase que instantaneamente, os empreendedores brasileiros têm lançado mão dessa ferramenta como uma oportunidade de criar promoções, mesmo em segmentos que contam com margens de lucro apertadas, nos quais promocionar não é sempre uma opção viável”, comenta Thiago Guerra, Diretor Comercial de MSMB do Pagar. me.

    “Mas vale lembrar que o parcelamento ainda é um forte aliado dos empreendedores na ocasião, sendo ofertado por 85,7% dos entrevistados. Afinal, é o principal recurso dos consumidores que desejam fazer aquisições de ticket médio mais elevado, como os eletrodomésticos e eletroeletrônicos que têm tanto apelo na Black Friday”, finaliza Guerra. 

    As companhias responsáveis pela pesquisa ouviram 196 empreendedores, de empresas de todos os portes e variados nichos de mercado. As respostas foram coletadas de forma online ao longo de todo o mês de agosto.

    Recentes

    Quer receber mais conteúdos como esse?

    Você pode gostar