More

    Investidores não se convencem com aporte no Magalu. Veja detalhes do INVA da semana

    spot_imgspot_img

    Ações do varejo acompanharam o Ibovespa em mais uma semana de queda. Veja a movimentação dos investidores

    Em mais uma semana de queda, o Ibovespa encerrou o período com um desempenho de -1,38% e já acumula um descréscimo de 5,22% ao longo de 2024. Outra vez, a performance ruim do principal índice da bolsa brasileira foi acompanhado por quedas das empresas do varejo nacional.

    O mau momento do setor, porém, teve – como de costume – suas exceções. No INVA, índice exclusivo do Grupo Nhm, oito das 27 empresas monitoradas fecharam a semana com variação positiva.

    Destaque absoluto para Arezzo e Grupo Soma, cujas altas refletiram a perspectiva positiva do mercado pela união das duas empresas que, nesta segunda-feira, anunciaram uma fusão que irá fazer delas o maior grupo do varejo de moda nacional.

    Já entre as empresas com pior desempenho, os holofotes se concentraram nas Casas Bahia que, com uma queda de 17,24% na semana, refletiu os temores dos acionistas a respeito de seu alto endividamento.

    Outro ponto que chama a atenção é a reação do mercado aos aportes anunciados pela familia Trajano ao Magalu. Isso, embora seja suficiente para manter a operação da empresa em dia, o montante de mais de R$ 1 bi não é visto como capaz de salvá-la das seguidas desvalorizações de mercado e do alto endividamento.

    O INVA

    INVA é o índice criado pelo grupo Nhm para medir movimentações nas ações do segmento varejista listadas em Bolsa. Sua ideia é proporcionar uma leitura sobre o desempenho das operações relacionadas ao varejo que abriram capital e usam o pregão do Ibovespa para conquistar investidores e alavancarem seus negócios.

    A metodologia do estudo reúne as movimentações diárias dos índices de fechamento de cada ação para criar uma média, o INVA – número médio medido entre a variação das 26 empresas selecionadas, que é comparado com o índice do Ibovespa gerando gráficos para a checagem do comportamento do varejo em relação à movimentação do mercado em geral, regulando os índices de forma a perceber variações em tempo real.

    Recentes

    Quer receber mais conteúdos como esse?

    Você pode gostar