Momento oportuno para pensar em inovação

Existe até um nicho específico de startups voltadas exclusivamente à solução de demandas no varejo: são as retailtechs. Estudo publicado em dezembro de 2018 apontou a existência de 293 retailtechs no Brasil. Hoje, com certeza, esse número é maior.

Neste momento em que o caixa está baixo em razão da expressiva queda no movimento das oficinas e lojas de autopeças, é hora de prospectar novas parcerias para aprimorar a gestão de seus negócios. Na edição 304 do Novo Varejo, o repórter Lucas Torres trouxe um completo levantamento dos benefícios que as parcerias com startups podem trazer para sua empresa.

Pesquisa realizada pela consultoria GS&UP – especializada em potencializar comercialmente as startups voltadas ao varejo – revelou que as tecnologias essenciais para o comércio brasileiro são hoje, pela ordem: big data e analytics; meios de pagamento; soluções de logística; inteligência artificial e automação de lojas.

E qual seria o caminho mais curto, rápido e barato para acessar essas tecnologias e aprimorar tais disciplinas em sua loja? Com certeza prospectar parcerias com as startups. Existe até um nicho específico de startups voltadas exclusivamente à solução de demandas no varejo: são as retailtechs. Estudo publicado em dezembro de 2018 apontou a existência de 293 retailtechs no Brasil. Hoje, com certeza, esse número é maior.

São, portanto, mais de 290 empresas esperando seu contato para oferecer tecnologias que tornarão sua lojas muito mais adequada às demandas que virão após a crise do coronavírus. E duas boas notícias: a primeira é que a maioria dos gestores de varejo ainda não se deu conta do valor da parceria com uma startup. A segunda é que, neste momento de crise, fica mais fácil estabelecer acordos comerciais que cabem no seu bolso. As startups são, em grande parte, empresas jovens, flexíveis na negociação e que também precisam de você para expandir os negócios. Quer saber mais sobre as infinitas oportunidades que as startups ou retailtechs podem oferecer? Leia a edição 304 do Novo Varejo, que também está disponível no site novovarejo.com.br. Quem largar na frente nesta corrida obrigatória pela modernização das lojas, com certeza levará vantagem numa competição que a cada dia se torna mais acirrada. Seu momento é agora.