‘Juro Zero’ destina até R$ 20 mil para microempreendedores capacitados pelo Sebrae

Vitor dos Santos, consultor do Sebrae-SP, explicou aos varejistas de autopeças como funciona o programa Juro Zero, que destina até R$ 20 mil para microempreendedores capacitados pelo órgão.
Por Lucas Torres

Seja em razão da burocracia e das garantias exigidas pelas instituições financeiras ou pelos tradicionais juros abusivos, a dificuldade para conseguir crédito a condições justas é, historicamente, um dos principais entraves da atividade empresarial no Brasil.

Não raramente, inclusive no setor de autopeças, varejistas se queixam dos problemas que enfrentam para conseguir recursos para capital de giro, compra de equipamentos ou ainda investimento em expansão – cenário que acaba ‘jogando contra’ o desenvolvimento do próprio país, já que o fortalecimento das empresas do comércio desemboca quase que automaticamente na melhora de índices fundamentais para o desenvolvimento econômico como, por exemplo, o da geração de empregos (segmento lidera a iniciativa privada na criação de postos de trabalho).

Vivenciando essa dificuldade na pele, o empreendedor da reposição automotiva Everton Buique procurou nossa redação como meio de contatar o Sebrae, principal órgão no apoio ao micro e pequeno empresário, sobre meios de se conseguir crédito para montar seu negócio na cidade alagoana de Maceió, depois de ter desfeito sociedade em seu antigo empreendimento no Rio de Janeiro.

Cumprindo mais uma vez sua missão de conectar o empresariado com os consultores do órgão, a série ‘Canal Sebrae de Consultoria’ foi ouvir o especialista Vitor dos Santos sobre o tema e voltou com novidades para Buique e outros interessados na aquisição de créditos e busca de meios para montar ou melhorar seu próprio negócio.

Leia a novidade a seguir e participe você também deste espaço editorial democrático que tem como objetivo contribuir com o aprimoramento da gestão nas lojas de autopeças. Envie sua pergunta para [email protected]

Everton Buique – empresário de Maceió (AL)

Vi que o Sebrae-SP está fazendo uma análise de crédito junto aos MEIs para ajuda-los a comprar equipamentos e conquistar capital de giro. Estou mudando de estado e vou recomeçar meu negócio em outra localidade. Do zero. Como devo proceder? Atuo na área de serviços automotivos, centro automotivo e autocenter. E preciso de capital de giro entre 20.000 e 30.000 mil reais para começar meu negócio e essa possibilidade é interessante. É possível me enquadrar no programa?

Vitor dos Santos, consultor do Sebrae-SP

Pensando em auxiliar os empresários e/ou empreendedores a começar seus negócios, inicialmente o Sebrae-SP criou o Super MEI. Um projeto para capacitação técnica e de gestão para o empresário começar seu negócio afiado, seja ele já experiente no empreendimento que deseja montar ou ainda sem conhecer.

Esses cursos do Super MEI são gratuitos e podem ser realizados presencialmente e por Ensino a Distância. Mas o Sebrae-SP viu que muitos empreendedores tinham vontade de iniciar seus negócios, mas não tinham acesso a boas linhas de crédito, ou não atendiam as exigências de algumas instituições financeiras para adquirir uma linha de crédito.

Neste momento, o Sebrae-SP, em parceria com o Governo do Estado de São Paulo e a Desenvolve-SP, criou o “Juro Zero”: uma linha de crédito orientado e destinado até R$ 20.000,00. Essa linha especial é destinada aos MEIs do Estado de São Paulo que completaram o curso do Super MEI e solicitaram o empréstimo correlacionado à sua atividade.

Essa linha de crédito pode ser aplicada para ampliar o negócio, comprar mercadorias, equipamentos, veículos utilitários etc, mas não pode ser utilizada para “fundo de caixa”, ou seja, o recurso deve ser usado e comprovado em, no máximo, 30 dias depois da liberação da linha.

O prazo de pagamento é de 36 meses com até seis meses de carência, realmente com juro zero para as prestações pagas em dia. Para mais informações e condições procure o escritório regional mais próximo ou pelo 0800 570 0800. Além dessa opção, foi firmada uma nova parceria em 25 de novembro com o Banco do Brasil, para linhas de créditos e orientações aos pequenos negócios.

As diretrizes em breve serão divulgadas, mas teremos para 2020 um bom cenário para os empreendedores ter acesso a crédito em seus negócios.

Fale com o Sebrae

O Novo Varejo abriu um canal direto entre os gestores do varejo de autopeças e os consultores do Sebrae-SP. É sua oportunidade de obter de forma gratuita orientações da principal entidade de apoio à gestão empresarial no Brasil.

O Novo Varejo disponibiliza vários canais para receber suas dúvidas. Participe!
E-mail: [email protected]
Facebook: facebook.com/novovarejo
Instagram: instagram.com/jornalnovovarejo
Telefone: (11) 2802-6238