IQA supera metas em 2020 e projeta crescimento em iniciativas de Transformação Digital para 2021

O IQA – Instituto da Qualidade Automotiva, encerrou 2020 com saldo positivo apesar dos desafios impostos pela pandemia do novo coronavírus, e projeta para este ano ampliação dos projetos em Transformação Digital, desenvolvimento de novos postos avançados regionais, novas certificações de profissionais, entre outras atividades.

“Os desafios do ano atípico que foi 2020 obrigou o IQA a se reinventar, assim como grande parte do mercado, e os resultados finais surpreenderam bastante”, afirma Cláudio Moyses, diretor executivo do IQA. “Conseguimos desenvolver muito do previsto em todas as áreas, mesmo que de formas adaptadas, e ampliamos em treinamentos, demonstrou com isso que mesmo em um período de crise, as organizações não deixaram de ser preocupar com a Qualidade”, comenta.

Ao todo, o IQA realizou 114 treinamentos em 2020, com participação de 1.600 profissionais, organizou 57 webinars gratuitos e dois eventos da Trilha da Qualidade, que reuniu mais de 4.100 participantes, com 43 palestrantes e convidados. “Foi uma surpresa extremamente positiva, pois todos os cenários estavam abertos e não era possível ter certezas, mas os números mostram que conseguimos seguir em frente mesmo diante de um período tão desafiador”, diz Alexandre Xavier, superintendente do IQA.

Perspectivas
Para este ano, o IQA projeta ampliação das atividades em diversas áreas de atuação (Certificações Compulsórias e Voluntárias de Produtos, de Sistemas e de Serviços, Treinamentos, Publicações, Estudo Técnicos e Ensaios), com destaque para projetos de Transformação Digital, sob a marca iQMX.

“O foco este ano é acelerar ainda mais as questões relacionadas com Transformação Digital, com a atualização dos serviços atuais e criação de novos serviços com foco em Qualidade, como homologação de software, certificações relacionadas à LGPD e projetos de cybersegurança, que atualmente são alguns dos maiores desafios do setor automotivo por conta da tecnologia de veículos elétricos, autônomos e conectados”, afirma Moyses.

Com isso, o IQA desenvolveu uma série de novos treinamentos online para atender à demanda do setor, como Indústria 4.0 & Transformação Digital na Qualidade Automotiva, LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados, Qualidade no Desenvolvimento de Produtos através de Metodologias Ágeis, e Core Tools – com Foco em Transformação Digital. “São treinamentos alinhados à nova necessidade do setor automotivo, que passa a ser cada vez mais digital e conectado”, diz Xavier.

Outras ações que serão amplamente trabalhadas pelo IQA ao longo de 2021 são o desenvolvimento de quatro novos Postos Avançados Regionais nas cidades de Caxias do Sul e Gravataí, no Rio Grande do Sul, na região Sul Fluminense, no Rio de Janeiro, e em Manaus, no Amazonas, assim como ampliar a atuação relacionada com exigências de outras agências reguladoras que influenciam o setor automotivo, além do INMETRO.

“Por tudo que vimos e vivemos em 2020, temos convicção de que 2021 será um ano de mais avanços na transformação digital, uma vez que ficaram claros os benefícios que a tecnologia proporciona aos negócios e a experiência do Cliente, e acreditamos que este é um caminho sem volta, independente da pandemia da Covid-19 ou qualquer outro motivo que impeça as pessoas de ir ao escritório para trabalhar”, finaliza Moyses.