“Prévia” do PIB registra alta de 0,44% em setembro

O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) registrou alta de 0,44% em setembro, em comparação ao mês de agosto, informou o Banco Central nesta quinta-feira. Foi a segunda alta mensal consecutiva, o melhor desempenho em quatro meses, desde maio (1,1%). Essa medição é considerada uma “prévia” informal do PIB (Produto Interno Bruto).

Em comparação a setembro de 2018, o índice subiu 2,11%. Em 12 meses, registrou crescimento de 0,99%.

Também nesta semana, o IBGE divulgou o aumento de vendas no comércio em setembro. O número alcançado foi considerado o melhor resultado para o mês nos últimos dez anos.

O IBC-Br é importante para os investidores adotarem medidas de curto prazo. Mesmo considerado uma “prévia” estimada, algumas vezes ele não se concretiza. O indicador leva em conta a trajetória das variáveis do desempenho de alguns setores importantes, como agropecuária, indústria e serviços.

Os dados oficiais do PIB brasileiro do terceiro trimestre serão divulgados pelo IBGE no dia 3 de dezembro.