NGK lança cinco modelos de bobinas de ignição

A NGK amplia sua linha de bobinas de ignição com cinco diferentes modelos. São eles: U2018 e U2105, para veículos fabricados pela General Motors; U2031, para modelos Fiat; U5160, para modelos Honda e U5145, para veículos da Toyota. Destinadas ao mercado de reposição, as novidades já estão disponíveis e visam abastecer as redes de distribuidores, autopeças, oficinas mecânicas e centros de reparação automotiva.

Os cinco novos tipos de bobina de ignição ampliam a linha para 40 aplicações disponíveis, com o alto padrão de qualidade já reconhecido pelo mercado como seu principal diferencial. “As bobinas de ignição completam nosso portfólio de produtos, adotando os mesmos padrões rigorosos de desempenho e qualidade vistos nas velas e cabos de ignição, amplamente conhecidos por reparadores e consumidores em 60 anos de tradição da NGK no mercado brasileiro. Nossos produtos são desenvolvidos para atender as necessidades de cada motor, em acordo com os projetos das montadoras, garantindo durabilidade, economia e, não menos importante, respeito ao meio ambiente”, enfatiza Hiromori Mori, consultor de Assistência Técnica da NGK do Brasil.

Basicamente, a função da bobina de ignição é transformar a tensão da bateria em alta tensão, que é levada até as velas pelos cabos de ignição ou diretamente pelas bobinas. Nas velas de ignição, a alta tensão é transformada em uma centelha elétrica que dará início à reação de queima do combustível. Comprometida com a filosofia de desenvolver produtos de alta qualidade e tecnologia, a NGK disponibiliza no mercado de reposição 28 modelos, reforçando assim seu comprometimento com esse segmento.